ESTUDO COMPARATIVO DA EFICIÊNCIA ENTRE MÉTODOS SISTEMÁTICOS EMPREGADOS NA CONSTRUÇÃO DE CIRCUITOS PNEUMÁTICOS

O ar comprimido é uma das principais fontes energéticas utilizadas para o acionamento de circuitos pneumáticos nos diversos setores da cadeia produtiva, sendo fundamental realizar um estudo sobre a eficiência dos circuitos que utilizam essa fonte de energia. Este trabalho tem por objetivo fazer um comparativo teórico e experimental da eficiência relativa sobre o consumo de ar comprimido entre os métodos sistemáticos empregados na construção de circuitos pneumáticos: analítico e minimização dos contatos. Para tanto, foi desenvolvido um circuito com auxílio do software Fluidsim 4.2 Demo, e posteriormente montado em bancada de teste. Na sequência, foi feita a coleta de dados com auxílio de uma placa de aquisição e pelo software LabView, medindo-se as grandezas, tais como, vazão volumétrica, posição, pressão e temperatura. Os testes foram desenvolvidos em diferentes níveis de pressões (5bar, 6bar e 7bar). Além disso, utilizou-se o software MATLAB para tratamento dos dados, aplicando-se dos conceitos da transformada de Fourier para redução dos ruídos e, na sequência, Excel para a construção dos gráficos e interpretação dos resultados. Ao final, verificou-se por meio do experimental que o método analítico se mostrou levemente mais eficiente em 6,48% para 5 bar, 7,35% para 6 bar e 9,25% para 7 bar. Os resultados apresentados pelo modelo matemático empregado obtiveram-se uma variação máxima de 12% se comparado ao experimental.

Read More →

Autores: Tales Allan Menegaz de Faveri (talesmf@gmail.com), Richard de Medeiros Castro, Elvys Mercado Curi

Palavras-chave: , , , , ,

Análise de competitividade e eficiência da cadeia produtiva do biodiesel no Brasil utilizando a MAP

O presente artigo realiza uma avaliação em termos de competitividade e eficiência do sistema produtivo do biodiesel no Brasil por meio de um instrumental conhecido como Matriz Análise de Políticas – MAP. Tem como base em um estudo comparativo da cadeia produtiva de biodiesel selecionando duas matérias-primas – óleo de soja e óleo de mamona. Verificou-se que emprego do óleo de soja para geração do biodiesel apresenta maior rentabilidade privada e social revelando ser mais competitivo e eficiente frente ao sistema produtivo que emprega o óleo de mamona.

Read More →

Autores: Verônica Nascimento Brito Antunes

Palavras-chave: , , ,