Reflexões Sobre Os Principais Programas Em Eficiência Energética Existentes No Brasil

Este artigo pretende abordar as principais ações e programas concernentes à eficiência energética adotadas no Brasil, oriundos de iniciativas ou apoio do Ministério de Minas e Energia – MME. O Brasil é pródigo em mecanismos para promoção da conservação de energia, dentre eles o Procel (Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica), Conpet (Programa Nacional da Racionalização do Uso dos Derivados do Petróleo e do Gás Natural), PEE (Programa de Eficiência Energética) e PBE (Programa Brasileiro de Etiquetagem). Há também a Lei de Eficiência Energética, nº 10.295/2001, que dispõe sobre a Política Nacional de Conservação e Uso Racional de Energia. Neste contexto, se observa uma atuação sinérgica institucional entre o MME, Eletrobrás, Petrobras, Aneel e Inmetro, que compelem para um ambiente propício ao fortalecimento e ampliação do tema eficiência energética no Brasil.

Read More →

Autores: Hamilton Moss de Souza, Paulo Augusto Leonelli, Carlos Alexandre Príncipe Pires, Valdir Borges Souza Júnior, Roberto Wagner Lima Pereira

Avaliação Da Economia De Energia, Atribuída A Ações De Etiquetagem Energética, Em Motores De Indução No Brasil

Desde 1995 o Brasil tem implementado o programa de etiquetagem energética Selo PROCEL para estimular os fabricantes a aumentarem a eficiência de muitos eletrodomésticos e equipamentos. Em 2003 os motores de indução começaram a receber o Selo PROCEL o que ajudou a ampliar a eficiência desses equipamentos devido aos limites de eficiência estabelecidos pelo programa de etiquetagem. Este trabalho apresenta o desenvolvimento de um modelo para calcular os impactos energéticos (economia de energia e redução de demanda de ponta) obtidos por ações de etiquetagem energética, no caso do presente estudo, pelo uso de motores com o Selo PROCEL. O modelo desenvolvido faz o uso de informações de vendas e de uma função de descarte para as estimativas do parque de motores. Aproximações quanto aos efeitos do carregamento e degradação de desempenho dos motores ao longo da vida útil são consideradas nos cálculos do consumo.

Read More →

Autores: Rafael Balbino Cardoso, Luiz Augusto Horta Nogueira, Edson da Costa Bortoni, Jamil Haddad, Edson Palhares de Souza

Palavras-chave: , ,

Padrões De Eficiência Energética Para Equipamentos Elétricos De Uso Residencial No Brasil

Índices mínimos de eficiência energética são mecanismos de política pública responsáveis por significativas economias de energia em muitos países. Em 2007 foram lançadas no Brasil as primeiras regulamentações específicas que estabeleceram padrões mínimos de eficiência energética para refrigeradores e aparelhos de ar condicionado. Porém, a ausência de procedimentos de avaliação dos impactos destes padrões no consumo de energia do país dificulta uma abordagem mais específica da contribuição da eficiência energética no planejamento energético. Este artigo propõe uma metodologia para estimar os impactos do estabelecimento de padrões de eficiência energética para refrigeradores, aparelhos de ar condicionado, televisores e lâmpadas. São avaliadas as relações entre custo e eficiência energética sob a perspectiva da sociedade e dos consumidores. É verificada a possibilidade de aumento das restrições dos padrões existentes e a oportunidade de ampliação da abrangência dos padrões para outros equipamentos.

Read More →

Autores: Conrado Augustus de Melo, Gilberto De Martino Jannuzzi

Avaliação Da Vida Útil Das Lâmpadas A Vapor De Sódio De 70 W

Este artigo apresenta as conclusões obtidas em um estudo realizado em 2007 pela Eletrobrás/Procel, em parceria com a PUC-RS, com o objetivo de avaliar o desempenho das lâmpadas a vapor de sódio de alta pressão com potências de 70 W utilizadas nos projetos Reluz nos anos de 2001 a 2003. Esses anos foram escolhidos tendo em vista que as lâmpadas estariam no final das suas vidas úteis e atingido o tempo de vida mediana. O Reluz define que as lâmpadas a vapor de sódio de 70 W a serem utilizadas nos projetos financiados devem ter a vida mediana de no mínimo 3,7 anos. Foram selecionadas quatro cidades beneficiadas pelo programa Reluz nos anos de interesse, nas quais foram coletadas amostras de 50 lâmpadas em cada uma, totalizando 200 unidades, para a avaliação em laboratório. As lâmpadas coletadas foram substituídas por lâmpadas novas, para garantir os níveis de iluminação originais do projeto. Os resultados obtidos serviram para subsidiar o Procel na concessão do Selo Procel de Economia de Energia para essas lâmpadas.

Read More →

Autores: Moisés Antonio dos Santos, Leonardo Pinho Magalhães, Rafael Meirelles David, George Camargo dos Santos, William Mendes de Farias, Emerson Salvador, Luciano Haas

Palavras-chave: , , ,

Os Segmentos Industriais Energo-Intensivos De Maiores Potenciais Técnicos De Conservação De Energia No Brasil

O Brasil já possui uma experiência considerável na implantação de programas de conservação de energia, mais no que diz respeito à energia elétrica do que energia térmica. As iniciativas referentes ao setor industrial, no entanto, sobretudo as envolvendo os segmentos energo-intensivos, têm apresentado resultados bastante modestos, quando comparados com as experiências internacionais. Este artigo visa contribuir para avanços nesta área, apresentando resultados de cálculos de potenciais técnicos de conservação de energia efetuados pelo Núcleo Interdisciplinar de Planejamento Energético da Universidade Estadual de Campinas, para os segmentos energo-intensivos da indústria brasileira. Após comparações com potencias de conservação encontrados na literatura técnica consultada, são destacados os segmentos industriais com maiores potenciais de conservação.

Read More →

Autores: Sergio Valdir Bajay, Filipe Debonzi Gorla, Orlando Frederico José Godoy Bordoni

Palavras-chave: , , ,